Mini-Mala

Os anos de reinado, aliás quase de ditadura, das maxibags, aquelas em que cabem tudo e mais a casa, chegou ao fim. Já chegava de dores nas costas e coluna torta em nome da moda. A mala emagreceu, perdeu quilos e virou skinny .
Chique, não? As minibags continuam a reinar a temporada. São muito pequenas mesmo, antes eram usadas como uma mala de noite, agora já se usa durante o dia (inteiro).

As passerelles e as campanhas publicitárias começaram por passar o recado.
Marcas que sempre ditaram as tendências em malas como: Hermès, Louis Vuitton, Prada, Chanel, que têm os modelos mais disputadas do planeta, lançaram actualmente mais it minibag. 
Lindas, porém minúsculas, exigem um esforço mental da
sua dona para decidir o que vai realmente carregar nela.

A sensação de liberdade é única e vale o esforço. 

Modelo box Kate Moss, para a Longchamp.

Modelo box Kate Moss, para a Longchamp. 

Modelo Prada

Modelo Jerome Dreyfuss
 Modelo Jerome Dreyfuss.
 

7 comentários:

  1. A segunda e a quarta! adoro adoro e adoroooo <33


    xoxo*

    ResponderEliminar
  2. Não dá para mim! Uma mala tem de dar para meter a casa toda, inclusivé estojo e alguns notebooks da faculdade..ou a farda do trabalho, bem ajeitadinha! Mas são lindas... :)

    ResponderEliminar
  3. obrigada! :')
    adorei as malas, e vou seguir também*

    ResponderEliminar
  4. A minha preferida é a última. :)

    Um beijinho *

    ResponderEliminar
  5. Que malas lindaaaaaas! :D

    Adorei o post :)

    Beijinhos

    ResponderEliminar