Adeus Angélico


Já virão como a vida é curta demais?
Num dia temos tudo e noutro.. Esse tudo simplesmente desaparece..
Não me passa ao lado o que aconteceu com o tão famoso actor/cantor, até me perturba ver que não adianta ter uma vida de luxo, ter isto ou aquilo, que tudo pode mudar num ápice de segundos.
E agora? Que lições podemos tirar com este trágico final?
São várias as lições, eu tenho as minhas. algumas serão iguais ao que voçês pensam, outras diferentes..
Um carro top de gama, velocidade máxima 330, autoestrada.. 3h30 da manhã com possibilidade mínima de encontrar a Polícia..
Excesso de velocidade? Álcool?Falta de responsabilidade? Da parte de quem?
No código da estrada a velocidade máxima praticada por lei na autoestrada é 120, será que iam a esta velocidade?..
Sinto pena, por ver que todos os dias dezenas de pessoas infringem a lei do código da estrada, e por isso, em muito dos casos, as pessoas desaparecem.. E a pessoa é a própria culpada do desaparecimento.
Aqui?.. Uma pessoa faleceu logo. Quando foi o funeral? Sabem? E a rapariga, como está ela realmente?..
"O que levava cinto safou-se" - serve para nos alertar também, mas por vezes o cinto também prejudica..
È raro não usar cinto atrás.. Mas e á frente?! Podiam ser as horas que fossem da noite, o carro podia ser tão caro que o significado que se tira é "altamente seguro" , mas isto impede o uso do cinto, de segurança? 
Outra lição, não é só com os carros velhos que as coisas acontecem..
Lá por ser um carro com 4000 de cilindrada não quer dizer que é invencível.
Duas pessoas desapareceram, uma ouve-se falar, da outra sabemos o mínimo. 
Conseguem imaginar o sofrimento daquelas mães?
Dói..
Quem irá acartar com as despesas todas?
O dono do stand.. Já pensaram no que ele está a passar? Na irresponsável que foi em ter emprestado um carro sem seguro?.. Ás vezes tomamos determinadas atitudes porque são nossos amigos, mas temos de ponderar que pode acontecer alguma coisa..
Só se pode tirar um aspecto positivo: a doação de órgãos.


Vendem-se 2 coelhinhas anões


Local: Santarém
Número de Coelhos: 2
Data de nascimento: 3/05/2011
Sexo: Fêmeas
Raça (ou arraçado de): Lion-Head com Coelho Holandês
Coloração/padrão: Uma das fêmeas é toda branca com olhos azuis, a outra tem duas manchas cremes com olhos azuis
Locais de entrega/envio e método: Em mão (Santarém, Cartaxo, Almeirim) mais longe, só se deslocarem até Santarém.
Data de entrega/venda: A partir de 3 de Julho
Preço: 20€ cada uma
Contacto preferencial: decastroafonso@hotmail.com

Agradeciam que divulgassem. 
Obrigado

Less is more

HABITUÁMO-NOS a dar tanta importância ao sexo que deixámos para trás uma série de pequenos gestos que podem, afinal, ser tão grandes. Já dizia Oscar Wilde, não há coisas nem grandes nem pequenas, todas são importantes. O sexo é muito importante para a maior parte das pessoas; faz bem à saúde – enquanto praticado de forma segura – massaja a pele, o corpo, o ego e a alma, mas antes do sexo e depois deste há muito para olhar e ver, sentir e saborear, dizer e ouvir, aprender e ensinar, dormir e acordar. Antes e depois do sexo, há o ‘estar’.

Então porque se torna tantas vezes mais difícil ‘estar’ com alguém do que um toca e foge sem consequências de maior? Talvez porque a nossa mente complexa, e não raro perversa, consegue sublimar no sexo a ausência de amor? Ou porque na procura de outro corpo nos abandonamos e com esse abandono esquecemos momentaneamente a nossa solidão? Ou ainda porque na dança erótica do dar e do receber jogamos com o nosso poder? 
Seja o que for, para muitas pessoas dar uma volta com alguém parece muito mais fácil do que dar um passeio à beira-mar a lamber um gelado e a conversar sobre a vida
 
 
 
Se o sexo for entrega e partilha, então ele que venha e que fique, mas se for uma forma de evitar o confronto e a intimidade, se for um escape ou um vício, então prefiro rever um bom filme ou ceder ao meu vício do chocolate.

O SEXO pelo sexo é uma grande chatice. Talvez sirva os instintos masculinos com eficácia, mas não conheço nenhuma mulher que o veja como um divertimento grato, a não ser esporadicamente. 
Nós precisamos de algum romance ou, na ausência deste, de respeito, cumplicidade e entendimento, e já agora de algum mimo. Tudo depende da carga que pomos em cada gesto, da sua intensidade, da sua finalidade. 
Às vezes um pequeno gesto pode ser muito; uma carta, um presente ou um beijo bem dado valem mais do que um orgasmo.
 

Diastema

O conceito de beleza esteve sempre vinculado com a ideia da perfeição. 
O tempo encarregou-se de tornar alguns "defeitos" capazes de derrubar até miss em marcas de sucesso de ícones da beleza mundial. Um exemplo do momento é a holandesa Lara Stone e o seu diastema, aquele pequeno espaço entre os dentes que já fez muita gente sofrer bullying na escola

Stone tornou-se a mulher-propaganda da Louis Vuitton ao substituir ninguém menos que Madonna, também dona da famosa "janelinha", que virou um traço da sua forte personalidade. Até Brigitte Bardot pertencia ao clube. A beleza não anda sozinha, é um conjunto de fotógenia, charme e sex-appeal. Tudo isto com um ar Lolita e muita jovialidade, características que as tops, actrizes e cantoras com diastema (lacuna ou espaço entre dois dentes)  têm.

Vanessa Paradis

 Lindsey Wixson 

 Lara Stone

 Georgia May Jagger 

  Anna Paquin

Óculos para o seu rosto

Sejam de grau ou escuros, a nossa personalidade também está estampada no tipo de armação que usamos, o estilo que adoptamos. Por isso mesmo, a escolha dos óculos deve ser feita com dedicação e carinho: dá para disfarçar defeitos e realçar pontos fortes, é só ter em conta o formato do rosto. 
Para que saibam, de vez, que tipos de armações e formatos ficam bem no tipo de rosto, listei cada uma delas:


Rostos Quadrados
Quem tem este formato de rosto geralmente possui o maxilar marcado e uma testa larga, com medidas proporcionais no comprimento e largura. As Melhores armações: as ovais e arredondadas, que atenuam os traços. Piores armações: as geométricas ou quadradas, que chamam a atenção para o queixo. 
Famosos "quadrados": Demi Moore e Brad Pitt.

Rostos Ovais
Têm as proporções mais equilibradas, com o queixo ligeiramente mais estreito que a testa e maçãs do rosto altas. Melhores armações: quase todas as armações combinam com este formato de rosto. As quadradas, rectangulares e as geométricas dão movimento às curvas suaves. Piores armações: fuja dos modelos que fiquem grandes demais no rosto. 
Famosos ovais: Julia Roberts e Beyoncé

 Rostos Compridos
Uma das principais características deste formato é que é mais longo que a sua largura. As maçãs do rosto são salientes, o nariz é longo e a testa alta. Melhores armações: as que ajudam a criar um rosto mais curto. Óculos que têm o aro superior ou a parte de cima acentuada são indicados. Piores armações: as que são pequenas ou curtas, pois ficam desproporcionais. 
Famosos "compridos": Sarah Jessica Parker e Denzel Washington.

 Rosto em formato de Coração
Em geral o formato tem testas largas e maçãs do rosto levam a um queixo pequeno. Melhores armações: com a parte de baixo acentuada, que alargam mais o rosto. Os estreitos e redondos também funcionam, dando a sensação de diminuição da testa. Piores armações: estilos pesados que chamam a atenção para a parte superior do rosto. 
Famosos em "formato de coração": Jennifer Aniston e Halle Barry.

 Rosto forma de Diamante
É estreito na linha dos olhos e na linha da mandíbula, com testa e queixo pequeno. Melhores armações: armações que sobem. Molduras ovais mantêm o equilíbrio e armações apenas nas lentes permitem que o ossos da face sejam realçados. Piores armações: as estreitas que chamam a atenção para a linha do olho. Famosos "em forma de diamante": Linda Evangelista e Madonna.

Alívio, alegria, amor, paz interior...

Uffa 
Hoje vou-vos dizer que sinto um aliviooooo!!
Depois de alguns dias menos bons, começa a vir a bonança!!!
A minha mãe tem estado doentinha e hoje tem alta..
Não sabem o sentimento de alegria que me invadiu!!!
Os motivos para sorrir voltaram!


Finalmente posso acalmar, posso sorrir, posso voltar a viverr, e viver que sabe tão bem..
Nhum, que sabor tão doceeeeeeeeee
As aulas já acabaram. A apresentação do concurso foi adiada.. 
Havia motivos par relaxar, mas a preocupação era constante. 
Será que foste tu? Tu que estás sempre sempre ao meu lado?
Abocado em silêncio confessei-te, é estranho, sim é.. Já partis-te a algum tempo.. E eu não sinto saudade como senão te visse à tanto tempo.. Há pessoas que sentimos saudades por estarem longe de nós, mas contigo, eu não sinto isto! Sei que não te vejo, mas a verdade é que sinto que tu estás todos os dias comigo, fazes parte do meu dia-a-dia.. Quando me ponho a pensar que o teu corpo está no cemitério á 3 anos, TU, a tua alma, a tua forma de ser, não está á 3 anos longe de mim, não está.. 3 anos é no papel, na certidão de óbito, tu, tu estás aqui comigo, sempre ao meu lado, nos momentos que estou sozinha e falo contigo, em tudo o que me envolve na vida. Porque quando eu falo de ti, não falo no passado, falo no presente "a minha avó gosta disto, hoje vou ver a minha avó".. Tu sabes que é assim não é velhota?
E tu sedes quem és, continua a olhar para nós, continua.. Tenho andado tão aluada que mal temos falado, mas hoje, hoje que falamos, recebo a boa nova, jamais esperaria.


Sabes velhota,
A morte de uma flor não faz com que o jardim desapareça!

Pink Inspiration

Ainda gosta dele?

O incómodo persiste. Não importa quanto tempo tenha passado,
a dúvida assombra quando bate a carência sob os cobertores num dia frio:  
será que ainda gosto dele

Parece que tudo conspira para que se lembre dele, não é? Saiba que não é bem assim. O nosso inconsciente é o real responsável por associar tudo com aqueles momentos vividos a dois. Quando a relação e o final estão bem resolvidos, não nos afecta as lembranças.
Algumas pessoas não conseguem libertar-se das amarras emocionais do passado. A partir daí, o que aconteceu vira uma fantasia e as pessoas vivem a olhar para trás.
Assim o ex não sai da cabeça! 


Manter hábitos do relacionamento antigo
Este é o mais difícil de detectar. O inconsciente age decisivamente para associar o prazer às experiências anteriores, mantendo o vínculo com o passado sem que se perceba. Sabem aquelas séries que vocês viam juntos? Se, no final do relacionamento, sente mais obrigação do que vontade em assistir á série, isso denota um vínculo afectivo, isto é um exemplo.

Forçar encontros
Ainda pior é quando passa a frequentar os mesmos lugares e ambientes sociais do ex, como o ginásio a discoteca, mantendo-se no quotidiano do antigo par. Buscar bares e festas nas quais sabe que ele pode estar também entra na lista. Inconscientemente, a pessoa está a tentar manter-se presente e faz uso de uma série de desculpas psicológicas para fingir que são encontros por conveniência.

Incomodar-se com qualquer notícia do ex
Não querer saber mais nada sobre a vida do "falecido", como muitas apelidam o ex, é um direito. Contudo, se a qualquer notícia ou aparição dele algumas emoções são despertadas, a confusão ainda está no dentro de nós. Quando tudo está bem resolvido, não se sente mais nada. Se ainda tem alguma coisa que pega, que acende aquela ‘luzinha', é sinal de que algo precisa de ser bem assimilado. Ter ciúme e incomodar-se quando tocam no nome dele são os maiores exemplos.

Não estar disposta a experimentar
Se acha que a fórmula de relacionamento com o ex deu tão certo que nem quer experimentar outra, o sinal amarelo está ligado. A pessoa parece não estar aberta a coisas novas, não consegue empolgar-se com nada. O gosto muda muito, é dinâmico, mas é muito atrelado ao sentimento. E o principal indício aparece entre quatro paredes. A mulher pensa inconscientemente que está a trair o outro e isso influencia o seu desempenho sexual. Não se solta inteiramente.
Comparar as atitudes
A comparação é inevitável quando se ainda está muito ligada à tal "fórmula bem-sucedida" da relação terminada, pois ela torna-se num referencial de felicidade. A pessoa acaba comparando as semelhanças e as diferenças, dando sempre mais peso à diferença, como se contasse contra. Ela, no entanto, deveria começar a experimentar novos gostos e atitudes.
Em casos mais extremos, a busca por um novo parceiro nos moldes do antigo pode levar quase a uma tentativa de clone. A pessoa busca alguém fisicamente parecida com o ex e passa não apenas a comparar, mas a transferir as características do ex ao actual, já que eles são semelhantes fisicamente.

Lembrar-se só dos bons momentos
A velha máxima de que "só dá valor quando perde" é o combustível para trazer à tona apenas as boas lembranças. As atitudes positivas do ex são mais contundentes do que os defeitos. Nestas horas é que deve entrar o apoio dos amigos. Quando a pessoa termina, ela está sempre a pensar  na relação e a relembrar os  bonsmomentos. Daí a importância de pessoas que estejam fora da situação para lembrá-la dos episódios ruins e impedir uma idealização fantasiosa.

  • Evite reavivar lembranças do passado como assistir aos filmes do casal, ir aos mesmos restaurantes, manter as fotos com ele acessíveis. Pelo menos por um tempo, renove os ares e fuja do que a faz recordar o ex.

  • Saia de casa, faça novos amigos, de preferência com hábitos e gostos diferentes dos seus para que se possa "desligar" do passado por um tempo. E abrir-se para o novo. 
  •  O mais difícil ao romper um relacionamento é tomar a decisão. Uma vez tomada, invista na sua certeza. Procurar motivos para pensar no ex é dar um passo atrás. E, na vida, é preciso andar para frente, certo?
  •  Vocês têm amigos em comum e estes falam do ex o tempo inteiro com a maior naturalidade? Não se envergonhe: chame-os para uma conversa franca e peça para que, na sua presença, eles evitem comentários sobre a pessoa. Afinal, ainda dói e você precisa de apoio, não de relatórios. Deixe claro que, se quiser notícias, você pedirá.

  • Você terminou, mas ainda não está pronta para outro relacionamento. Ficar sozinha apavora e, por isso, às vezes pensa em reatar o namoro. Afinal, não era de todo ruim... Não caia nesta. A tendência é olhar para trás e ver só as coisas boas. Faça o seguinte: anote. Escreva com detalhes as situações e sentimentos desgostosos da relação. É bom tê-los à mão para essas recaídas ocasionais. 
     
  • Evite comparações do novo amor com o velho ex. Se não conseguir, compare só os defeitos (dois defeitos do ex para cada um do actual). As qualidades, jamais.

  •  Se nada der certo e o fantasma do "falecido" teimar e ressuscitador, viaje. Compre uma passagem para bem longe, tire férias, embarque num cruzeiro.. Ajuda bastante a fazer as lembranças desaparecerem.

.

 Está sol, o dia está radiante, mas aqui, aqui dentro, os raios não entram..
Sinto frio, sinto dor, sinto um vazio, sinto saudade.. Quando olho ao espelho é este o reflexo que vejo..
Aqui, torço por ti, 
aqui sinto saudade,
aqui estou quando voltares.
Se me perguntares se notei a tua ausência, o mais provável é não te dizer..
É só contigo que não consigo demonstrar o que sinto..
Apesar de todos os beijos de chegada e despedida que reclamas não serem dados..
Aqui sinto saudade,
Aqui torço por ti,
Aqui estou quando voltares.
A tua ausência demonstra-me que não dou o máximo
Posso ser mais completa se te fizer feliz.
Pequenos gestos fazem a diferença, não é assim?
Sou filha, e torço pela recuperação,
"Nós só somos felizes se a virmos feliz também..."


(Um grande beijo para cada uma de voçês)

Fashion Rio: Salinas

"Ela é carioca".
  Como diz a música, o estilo da Salinas é inconfundivelmente da Cidade maravilhosa.
Inspirada nas músicas feitas para o Rio de Janeiro, a estilista Jaqueline de Biase levou 
consigo vários ícones para a passarelle.
Isabeli Fontana, Ana Cláudia Michels, Bruna Tenório, Aline Weber Viviane Orth, Daiane Conterato e Carol Francischinie, entre outras, desfilaram a colecção brasileira Verão 2012.

 
Eu adorei gentii!